A Maldição da Lua

terça-feira, 20 de março de 2012

Gary McKinnon - O Hacker que Invadiu Arquivos sobre OVNIs

Gary McKinnon e sua mãe, Janis Sharp.
Para aqueles que ainda não sabem sobre o caso McKinnon, Gary McKinnon é um cidadão britânico qye foi acusado de ter entrado ilegalmente (hacking) em 97 computadores das forças armadas dos EUA e da NASA, durante um período de 13 meses, entre fevereiro de 2011 e março de 2002.

As autoridades dos EUA alegam que ele teria apagado arquivos críticos do sistema operacional de um dos computadores, o que teria derrubado 2.000 outros computadores da rede do Exército do Distrito de Washington por 24 horas, bem como apagado logs do Armamento da Marinha, atingindo a rede de 300 computadores da base naval. Ele também foi acusado de copiar dados e senhas para seu próprio computador, dando um prejuízo total de US$ 700.000,00 para o governo.

Contudo, não só McKinnon declarou não ter feito nada do que o governo do EUA alega, mas também, em entrevista com a BBC, disse que obteve acesso aos arquivos governamentais que mostram a existência de tecnologia antigravitacional, de energia livre e que o governo daquele país realmente capturou naves alienígenas, utilizando de engenharia reversa para construir outras naves. McKinnon ainda alega ter visto fotos de “algo que não foi feito pelo homem” e “em forma de charuto” pairando sobre o hemisfério norte.

Após todos estes anos sob pressão jurídica pelo governo dos EUA e ameaçado de ser extraditado de seu país, uma esperança surge para McKinnon. A mãe dele, Janis Sharp, disse que o Primeiro Ministro de seu país, David Cameron, teria diretamente conversado com o Presidente Obama dos EUA sobre o caso. Janis disse que ela estava nervosa, mas esperançosa que o seu filho seja julgado em seu próprio país, após a conversa de Cameron com Obama, durante visita oficial esta semana nos Estados Unidos.

Ela disse: “Obviamente eu acho isso excelente. Eu sei que ele [David Cameron] levantou o caso de Gary especificamente com Obama. Espero que isto leve ao Gary ser julgado no Reino Unido.”

Janis diz que isto mostraria que o relacionamento entre os dois países é forte e de igualdade.

Ela adicionou: “David Cameron foi três vezes até Obama e eu espero que a terceira vez seja de sorte“.

Após reunião em particular esta semana com Obama, Cameron declarou: “Eu levantei esta questão como Presidente Obama hoje e tivemos uma boa discussão. Prosseguiremos com este assunto em mais reuniões entre nossas equipes. Pedimos uma revisão independente do tratado, a qual indicou que ele era equilibrado; mas eu reconheço que há preocupações em como ele será implementado na prática e como nossas equipes irão encarar a situação.”

Fonte das informações: www.whtimes.co.uk

Fonte da matéria: ovnihoje.com