terça-feira, 8 de outubro de 2013

CRIATURA ALADA de 2 METROS é vista no Chile!

Em 20 de setembro passado, por volta das 21h00, próximo ao Parque Bustamante, na área central de Santiago do Chile, uma estranha criatura alada foi vista voando de uma árvore para outra.  Seu tamanho foi estimado em 2 metros de altura e ela tinha a forma de uma arraia.

Ignacio, um jovem que testemunhou o evento, não quis revelar sua identidade, mas narrou seu avistamento ao jornalista Juan Andrés Salfate, do Canal La Red.  Sua descrição é específica, frisando que a entidade tinha asas que iam desde a parte superior de seu corpo, até a parte inferior.  Ele fez um desenho do que viu, que pode ser visto acima.

Testemunhos logo apareceram em outros lugares de Santiago.  Silvia, outra testemunha, confirmou a imagem da criatura.  Uma outra pessoa ainda escreveu o seguinte e-mail:

“Minha esposa e eu vimos esta criatura em uma das torres da igreja de São Francisco, em Santa Isabel, e ela estava comendo algo similar a um cão.  Eu acho que se você inspecionar a torre irá encontrar restos do animal.  Infelizmente, eu não tenho evidências pra fornecer, além do relato da minha esposa e do meu.”

Em Peñaloén, nos últimos dois anos, houve vários relatos a respeito dessas criaturas aladas.  Lembramos os relatos do falecido jornalista Osvaldo Murray, que escreveu sobre um homem voador que pousou em árvores na cidade de Juanita Aguirre na década de 1980.  Murray incluiu a história em seu livro “Los Seres de Luz“.

Se não forem imaginação, ou engano de interpretação pelos habitantes dessa região, seriam estas criaturas do Chile relacionadas ao famoso ‘mothman‘, ou ‘homem mariposa’, que apareceu na cidade de Point Pleasante, nos EUA, na década de 60?

Veja o vídeo, em espanhol, recém publicado no YouTube sobre este último avistamento da criatura alada em Santiago:

video
Fonte do vídeo: Youtube

Fonte: ovnihoje.com


Um comentário:

  1. Suponho que sejam um dos dragões voadores que estão sendo vistos por lá mesmo!

    ResponderExcluir

Deixe um comentário educado! Siga a política do 'se não pode dizer algo construtivo e legal, não diga nada.'