sábado, 28 de dezembro de 2013

Através de Olhos Alienígenas: Histórias do Sistema Solar

Livro "THROUGH ALIEN EYES - Através de Olhos Alienígenas"
de Wesley H. Bateman. 
Por Solange Christtine Ventura

Há já vários anos, inúmeras pessoas vêm declarando ter sido abduzidas por alienígenas, levadas a bordo de uma espaçonave e depois submetidas a exames médicos e procedimentos que mais tarde são recordados como horrivelmente assustadores e dolorosos. Estima-se que centenas de milhares de indivíduos (a maior parte nos EUA) alegaram ter tido essas experiências traumáticas e (em alguns casos) com efeitos nocivos para todo o resto de suas vidas.

O tema da abdução por alienígenas está ficando tão conhecido que a Disneylândia planeja uma obre cinematográfica de apresentação de UFOS que tratará fundamentalmente do “fenômeno da abdução”. A empresa Disney veiculou recentemente um programa de televisão intitulado “Encontros Alienígenas”. Segundo o apresentador, Robert Urich, o interesse da Disney por esse tema é educacional e baseia-se na estimativa de que uma em cada cinco pessoas (nos EUA) terá uma experiência de abdução dentro de sete a dez anos. Como e por que a Disney chegou a essas assombrosas conclusões não foi explicado durante o programa. Urich, em seguida, apresentou informações que acusava diretamente o governo federal americano de mentir para o público sobre a existência de UFOS e alienígenas.

Fiquei espantado ao ouvir essas acusações contra o governo dos EUA sendo proferidas publicamente por uma empresa tão sólida e tradicional quanto a Disney. O que ela espera ganhar provocando a ira do governo dos Estados Unidos? Mas será que ela está provocando realmente alguma preocupação no governo? Após refletir por algum tempo, concluí que o governo americano e a Disney estão empreendendo conjuntamente um programa de ação destinado a educar o povo e prepará-lo para as inevitáveis experiências de abdução por alienígenas, contra os quais o próprio governo é incapaz de oferecer proteção (ou não tem interesse de assim fazê-lo já que concordou com as abduções pelos alienígenas).

CASOS TÍPICOS DE ABDUÇÃO

Há dois tipos de abdução. O primeiro tipo costuma acontecer quando a vítima é apreendida/capturada enquanto está dormindo, ou guiando um automóvel em uma região deserta em viagem pelos EUA. Em todos os casos, o abduzido (ou abduzida) sente-se impotente e raramente resiste a seus captores.

Os alienígenas são descritos como tendo pouco mais de um metro de altura, pele cinzenta e sem pêlos no corpo. Também são descritos com cabeças triangulares e queixo pontudo, uma fenda por boca (sem lábios) e dois pequenos orifícios em um nariz muito pequeno. O mais impressionante são os enormes olhos negros, que parecem contornar por trás do rosto (como um certo tipo de óculos escuros). 

O CROP CIRCLE de 2002 em Hampshire apresenta uma mensagem em código binário contida no interior do Disco COM UM ALERTA EM RELAÇÃO AO TIPO DE Extra Terrestre GREY. Apareceu em uma Plantação de trigo em 15 de agosto de 2002 em Crabwood Farm, Hampshire, Reino Unido. A mensagem foi decodificada exatamente como aparece aqui:

"Cuidado com os portadores de Dons falsos e as suas Promessas não cumpridas. Muita DOR mas ainda há tempo. Existe BONDADE LÁ FORA. Nós nos opomos ao engano ENCERRAMENTO DO Conduto. (BELL SOUND/Som de sinos)" 

Ver mais em : http://www.cropcircleresearch.com/articles/alienface.html 

{n.t. É uma clara alusão aos Contatos (principalmente dos Estados Unidos) com que Governos de alguns Países vem mantendo com ETs, e recebendo Tecnologia dos mesmos AO FAZEREM ACORDOS COM ESSA RAÇA DE ALIENÍGENAS, com intenções invariavelmente nefastas para a humanidade, tanto dos ETs assim como dos governos que recebem a tecnologia.} 

Em alguns casos, esses pequenos alienígenas cinzentos são substituídos por assustadores seres reptilianos ou parecidos com insetos. Em todos os casos, os alienígenas se comunicam com as vítimas por meio de telepatia (transferência de pensamento).

Os exames médicos e os demais procedimentos são geralmente realizados com a vítima imobilizada em uma espécie de maca de exames. Estranhos instrumentos mecânicos são depois introduzidos rudemente - logo, dolorosamente - em todas as cavidades do corpo. Completados esses procedimentos grotescos e humilhantes, o abduzido é posto em liberdade. Sua lembrança dos acontecimentos parece ser deliberadamente suprimida pelos alienígenas antes de ser solto.

{N.T. O caso mais bem documentado deste tipo de abdução talvez seja o que alegadamente teria acontecido com Travis Walton <http://pt.wikipedia.org/wiki/Travis_Walton> (nascido em 23 de abril de 1957) na noite de 5 de novembro de 1975, perto de Snowflake, quando teria sido abduzido por um OVNI na Floresta Nacional de Apache-Sitgreaves, no Arizona, sob as vistas dos seus CINCO companheiros, reaparecendo somente após cinco dias de buscas intensas. O caso de Walton recebeu considerável publicidade da mídia, inclusive de fora dos EUA, sendo um dos exemplos mais bem conhecidos de alegada abdução alienígena, e um dos poucos com testemunhas oculares. Nunca antes um relato de abdução começou da maneira relatada por Walton e seus colegas de trabalho; além disso, o caso é singular no aspecto de que o protagonista desapareceu por dias a fio, com centenas de policiais e pessoas à sua procura durante esse tempo. O caso foi levado às telas do cinema no filme de nome ”FIRE IN THE SKY”, dirigido por Robert Lieberman, tendo o ator James Garner no elenco. É possível baixar na internet o filme, com o título de Fogo no Céu, e dublado em português.}

Passado algum tempo, o abduzido começa a ser incomodado por estranhos sonhos e ansiedades e nota a presença de marcas ou cicatrizes no corpo das quais não consegue se lembrar da causa. Algumas vezes, os abduzidos recordam por si mesmos detalhes de sua abdução por alienígenas. Outros foram auxiliados nessas lembranças pelo auxílio da hipnose.

O segundo tipo de abdução por alienígenas nunca é completamente lembrado. Nesse tipo, a vítima é mentalmente atormentada por vagas lembranças de que algum evento estranho lhe sucedeu. Tal crença completa-se pelo fato de pequenos objetos (conhecidos como implantes) são fisicamente detectáveis sob a pele ou algum orifício corporal (em geral, as fossas nasais). Ao serem removidos cirurgicamente, os implantes revelam-se na forma de pirâmides, cones ou lentes convexas. 

A análise da composição dos implantes revela que são compostos principalmente de silicone e outros materiais inidentificáveis. Experiências que submetem o implante (ainda no corpo) a fortes campos magnéticos provocam extrema tensão mental e desorientação pelo implantado durante vários dias após a experiência. Em outros casos (não tão raros), mulheres grávidas relatam ter tido seus fetos removidos pelos abdutores; algumas delas acreditam que a sua gravidez também teria sido iniciada pelos alienígenas durante uma abdução anterior.

Uma das raças hostis DE ALIENÍGENAS (oriundos de VEGA, da Constelação de LYRA) GREYs à nossa civilização que o Grupo MAJESTIC-12, o Governo Oculto e paralelo dos EUA manteve contato e com cuja raça fez acordos de transferência de tecnologia.Centenas de milhares de abduções do primeiro tipo, com outros milhares esperadas para os próximos sete a dez anos? Isso significaria que centenas de milhares de voos não observados de UFOS (para não falar dos pousos necessários) tiveram lugar com o propósito de capturar terráqueos. Quando consideramos a atividade alienígena em termos de trabalho, o tempo envolvido chega a milhões de horas. Se considerarmos ainda a previsão da Disney (do governo?) de que os alienígenas vão prosseguir com suas assustadoras atividades por mais algum tempo, temos de concluir que o que quer que eles estejam preparando, isso estará relacionado a um projeto ambicioso e que demanda muito tempo. A pergunta seguinte é, por que eles precisam sondar biologicamente milhões de seres humanos?

Quando perguntei aos meus contatos extraterrestres como era possível abduzir centenas de milhares de pessoas sem ser fisicamente observado ou detectado, responderam-me: “Nem tudo é o que parece”. Depois descreveram o que estaria de fato acontecendo. Vou tratar de apresentar a alentada explicação que me deram da maneira mais breve possível. 

O QUE ESTÁ REALMENTE ACONTECENDO? 

Para entendermos o que está realmente acontecendo, é preciso apresentar vários temas extraterrestres aos leitores que não os conheçam e refrescar a memória dos que já os conhecem.

Os temas de que eu estou falando são (1) ROMS Extraterrestres: (2) a Barreira de Frequência e (3) a Energia de Carga. 

(1) ROMS Extraterrestres:

Nós, da Terra, passamos de rabiscar sinais em pedras para inscrevê-los em placas de argila; depois, passamos a escrever em papiro e, finalmente, à produção em massa de material escrito em papel por meio da imprensa. Com a fotografia e o cinema, juntamente com as gravações de som, podemos transmitir qualquer assunto a qualquer número de pessoas. Quando acrescentamos uma televisão, um programa transmitido via satélite pode alcançar bilhões de pessoas ao mesmo tempo. 

Nestes últimos tempos, surgiu um novo meio audiovisual chamado CD-ROM, que permite que a pessoa interaja com os dados armazenados digitalmente que ele contém, por meio de um computador multimídia. Esses CDs são a mesma coisa que os discos compactos em que se grava música, e o termo ROM refere-se ao inglês READ ONLY MEMORY (memória só de leitura) do atual jargão da informática. Um único CD-ROM atual pode armazenar até 300.000 páginas em tamanho ofício de material escrito, mais do que poderia ser escrito pelo mais prolixo escritor em toda a sua vida.

Os extraterrestres estão pelo menos um milhão de anos à nossa frente na tecnologia de armazenar e recuperar informação. São capazes de gravar e recuperar mentalmente por meio de uma interface mente/ROM com ROMs do tamanho de comprimidos de aspirina. A quantidade de dados mentais como imagens visuais, sons, odores, sabores, tato, emoções e pensamentos que podem ser armazenada em um único ROM mental é astronômica. Os ROMs mentais extraterrestres podem ser editados e reforçados, por assim dizer, com efeitos especiais.

Os extraterrestres usam especialistas em várias áreas do conhecimento para ver, estudar e gravar mentalmente em ROMs suas observações sobre a fauna e flora de um planeta específico. Depois, quando necessário, qualquer extraterrestre pode consultar o material armazenado e tornar-se um especialista instantâneo sobre qualquer assunto relativo a esse planeta, mesmo que nunca tenha posto os pés nele ou sabido onde ele se encontra localizado no Universo.


Eles estão retornando...

Os ROMs mentais são usados pelos extraterrestres com propósitos educacionais e recreacionais. Um exemplo de um ROM mental recreacional seria um que contenha a experiência de uma pessoa assistindo a uma exibição de pirotecnia. O leitor do ROM pode experimentar tudo o que o autor do ROM fez ou sentiu enquanto estava assistindo à exibição, como se fosse o observador original (o autor do ROM). O leitor verá realmente o foguetório todo, ouvirá as explosões, sentirá o cheiro da pólvora queimada e até o vento e a temperatura do momento. Se o autor tiver alguma coceira ou for picado por um inseto no momento da gravação do ROM, o leitor sentirá a coceira ou a picada.

O programa de exibição pode durar horas, o mesmo tempo parece ter passado, embora na verdade ele só tenha estado envolvido na leitura do ROM mental por alguns minutos. Os extraterrestres dizem que, na maior parte dos casos, um ROM mental bem feito pode ser mais vívido e real do que a própria realidade. E podem ser transmitidos em certos comprimentos de ondas mentais do Campo Vital Universal para qualquer pessoa mentalmente sensível o bastante para os receber e processar.

Os abduzidos do tipo um não são fisicamente abduzidos pelos alienígenas. Em vez disso, são submetidos a transmissões de ROMs mentais de eventos reais de abdução. Esses ROMs foram feitos com base em experiências reais com abduzidos. Em todos os casos, os cenários mais assustadores são usados nesses ROMs mentais: alienígenas atravessando paredes, seres reptilianos e insetiformes conduzindo os exames médicos - em todos os casos, também, estes são efeitos especiais. Répteis e insetos mostrados como inteligentes e no controle do destino das vítimas são aterrorizantes para a maioria das pessoas da Terra. 

Também é fácil convencer qualquer um na Terra, por meio de um ROM mental, que os alienígenas estão lhe falando telepaticamente (e, de certo modo, estão). Os ROMs mentais com os seres cinzentos são os mais autênticos, não têm efeitos especiais - os autores dos ROMs, por certo, acham que a aparência desses seres não precisa de nenhum retoque, já que são suficientemente aterrorizantes por si mesmos e muito difíceis para os terráqueos de lidar mentalmente com passividade. 

As cicatrizes e marcas que aparecem no corpo de abduzidos do tipo um podem ser atribuídos ao profundo estado hipnótico em que a pessoa se encontrava durante a recepção do ROM alienígena (mas nem todos os casos são desse tipo). O estado mais profundo de hipnose é chamado sonambulismo. Sabe-se que, se for dito a uma pessoa que se acha em profundo estado hipnótico que ela queimou um dedo, uma bolha aparecerá na mesma hora, deixando uma cicatriz em alguns casos. O fenômeno pode ser comparado com a experiência dos estigmas, em que pessoas manifestam as diversas chagas e ferimentos do Cristo crucificado.

Em um ROM mental o abduzido é sempre posto em liberdade. A razão para isso, claro, é que, para início de conversa, eles nunca estiveram em poder dos alienígenas. Pensem só nisto: qualquer alienígena que tivesse sangue frio o suficiente para submeter alguém aos sofrimentos descritos pelos abduzidos não hesitaria em matar a vítima e atirar seu corpo no espaço.

Os alienígenas que estão transmitindo os ROMs mentais com cenários de abdução querem que aqueles que recebem o material acabem trazendo a experiência à consciência e acreditando que ela de fato aconteceu. Qualquer um que tenha o conhecimento que os extraterrestres têm da mente humana saberia que uma lembrança total das cenas acabaria ocorrendo - com o tempo. 

Os alienígenas querem que, então, os pretensos abduzidos contem a quantos puderem suas pretensas experiências para induzir em seus ouvintes medo e desconfiança de qualquer tipo de extraterrestre - até daqueles que não lhes causaria mal algum.

As múltiplas razões pelas quais esses seres nefastos submetem terráqueos sensíveis às suas assustadoras cenas de ROM mental irão ficando mais claras ao longo deste artigo. As perguntas do por que mais e mais pessoas estão recebendo essas transmissões de ROMs mentais alienígenas e por que o governo espera que mais pessoas ainda sejam afetadas por eles no futuro serão respondidas depois que examinarmos as várias características físicas da Barreira de Frequência.

A BARREIRA DE FREQÜÊNCIA

Com a explosão do Planeta MALDEK, outrora o quinto planeta do nosso sistema solar, a Terra foi bombardeada por energia e uma infinidade de destroços. Esse evento, que ocorreu num passado remotíssimo (exatos 251 milhões de anos passados), fez com que certas camadas cruciais da crosta terrestre se rompessem e que o núcleo liquefeito oscilasse erraticamente. As oscilações antinaturais fizeram com que os habitantes humanos do planeta sofressem mutações biológicas e tivessem drasticamente diminuída sua capacidade mental. Como as oscilações do núcleo interferem nas ondas cerebrais, isso impede que o cérebro opere em frequências mais elevadas - o que seria capaz de fazer se não fosse por esse efeito provocado pelo fenômeno singular da Barreira de Frequência hoje existente, mas já em rápida dissolução.

Os 4 tipos de ondas cerebrais produzidas pelo cérebro humano. Segundo Wesley H. Bateman, a Barreira de Frequência tolhe a capacidade do cérebro de funcionar em amplitudes de ondas cerebrais mais elevadas. DELTA de 1 a 3 Hertz, THETA de 4 a 8 Hz, ALPHA de 9 a 13 Hz e BETA de 14 a 30 Hz.

Ao longo das eras, os terremotos e a atividade vulcânica fizeram (e continuam fazendo) com que essas fraturas na crosta do planeta fossem aos poucos se fechando, diminuindo proporcionalmente as vibrações nocivas emanadas do núcleo. Isso está permitindo que os seres humanos re-evoluam biológica e mentalmente com relação à força atual da Barreira de Freqüência.

Há milhares de anos os extraterrestres vêm monitorando os efeitos da Barreira de frequência sobre os humanos da Terra. Eles acompanham a diminuição da Barreira de Frequência (extremamente prejudicial para todas as culturas extraterrestres) observando os terremotos e outras atividades geológicas. Este tema é tratado com mais detalhes no meu livro Knowledge from the Stars (Conhecimento das Estrelas). À medida que a Barreira de Freqüência vai diminuindo, cada vez mais pessoas da Terra vão ficando capazes de funcionar mentalmente em níveis muito mais altos de percepção ou, em outras palavras, em planos de consciência muito mais elevados.

O governo americano está ciente da existência da BARREIRA DE FREQUÊNCIA e do interesse dos extraterrestres pelo FIM Dela. Isto fica evidente na declaração feita no manual da Academia da Força Aérea dos Estados Unidos-USAF, que tem um capítulo de 14 páginas sobre UFOS: “Por que não há contatos?” Essa pergunta é fácil de ser respondida em uma de várias maneiras: (1) podemos ser objeto de intenso estudo psicológico e sociológico, (por outras raças alienígenas) e nesse tipo de estudo costuma-se não interferir no ambiente estudado; (2) não se contata um formigueiro, e os seres humanos podem parecer formigas para os extraterrestres; (3) esse contato já pode ter ocorrido em caráter sigiloso; ou (4) esse contato pode ter acontecido em um plano de consciência diferente e não somos ainda sensíveis a comunicações nesse plano.

Sublinhei a última parte dessa declaração para acentuar o fato de que a Força Aérea está sutilmente tornando público o seu conhecimento da BARREIRA DE FREQUÊNCIA e do fato de que a diminuição desta em breve permitirá que nós, da Terra, funcionemos em planos de consciência diferentes. Há muitos anos que a força da BARREIRA DE FREQUÊNCIA vem diminuindo o bastante para permitir que as transmissões de ROMs mentais alienígenas/extraterrestres sejam recebidas e assimiladas por pessoas sensíveis durante o sono. (N.T. E possibilitando uma interação muito mais constante com outras consciências e seres espirituais que sequer possuem expressão física, seja em que dimensão for). 

A ENERGIA DE CARGA

Localização da Base subterrânea DULCE, 
nos EUA, bem próxima (coincidência?) 
de Roswell. Ver mais em:
No início dos anos 70, a Federação Galáctica forçou o fechamento do laboratório biológico existente na BASE SUBTERRÂNEA de DULCE construída nos anos 50 , no estado do Novo México, em um acirrado combate em que houve muitas baixas entre ambos os lados, e que havia sido montado e estava sendo operado por um grupo de extraterrestres nefastos em conjunto com o governo oculto dos EUA. Como esse grupo estava proibido de operar fisicamente na Terra pela FEDERAÇÃO, seus membros decidiram aproveitar o estado enfraquecido da BARREIRA DE FREQUÊNCIA e acumular uma enorme colheita de força vital (energia de carga) dos terráqueos indefesos, que de nada suspeitavam.(N.T. E muitíssimas outras atividades, algumas das quais incluíam a hibridização entre as duas raças, a nossa e a deles, para criar uma nova raça humana, OBJETIVO QUE FOI PLENAMENTE ALCANÇADO)

Nós, como seres humanos, obtemos energia de força vital (energia de carga) de inúmeras maneiras. Aos extraterrestres predatórios não interessa como a pessoa obtém a energia de carga psíquica; só lhes interessa saber como fazer com que os outros a deem para eles. Gastamos nossa energia de carga com emoções como amor, inveja, ciúme ou medo. O objeto de nossas emoções e devoção, seja de que tipo for, é o receptor da energia.

Qualquer método concebido para provocar um estado emocional em um observador ou participante é chamado de veículo de carga. Por exemplo, damos nossa energia de carga psíquica a pessoas como atores, cantores ou esportistas que nos tocam emocionalmente (isso também pode ser chamado de vampirismo psíquico, enormemente praticado por "grandes" ícones do mundo pop, tais como Lady Gaga, Beyonce, e outros seres reptilianos como elas...). Isso serve tanto para o estímulo emocional apresentado no momento, quanto para aqueles gravados. Um ROM mental que inspira emoções fortes é um veículo de carga em benefício do(s) seu(s) criador(s), seja lá quem for.

Isso traz à razão básica do porque os alienígenas predatórios para transmitirem seus ROMs mentais de abdução. Eles querem extrair energia psíquica das pessoas por meio do canal emocional do medo. Sabendo que a vítima acabará se lembrando do incidente como algo real, esperam que ela conte a outras pessoas e as convença, tocando-as emocionalmente também. Esse tipo de estímulo emocional secundário extrai mais energia psíquica para os que elaboraram o conteúdo do ROM. Trata-se de uma forma de vampirismo psíquico. Dá para imaginar a quantidade de energia vital que pode ser obtida de milhões de pessoas que acreditam ter sido - ou que serão - abduzidas por seres repugnantes que se dedicam a sondar dolorosamente os corpos delas?

Muitas pessoas ficam nervosas só em pensar a ir ao dentista. Porém, coisas como a perfuração dolorosa de um dente nunca são usadas num ROM mental, pois não há como produzir um indício físico (por meio de um ROM) de que um tal procedimento tenha sido levado a cabo. A outra razão que os alienígenas malévolos têm para transmitir seus ROMs de abdução é gerar nas pessoas da Terra uma desconfiança por qualquer tipo de extraterrestre - até por aqueles com as mais benignas das intenções. 

ALGUNS CASOS DE ABDUÇÃO COM IMPLANTE SÃO REAIS 


Algumas pessoas estão convencidas de que foram abduzidas por alienígenas que, por alguma razão, inseriram pequenos corpos (chamados de implantes) em seus corpos. Algumas dessas pessoas são abduzidas do tipo um (ROM) e foram programadas para pensar que receberam implantes durante o incidente.

Outras, os abduzidos do tipo dois, contêm de fato implantes alienígenas fisicamente detectáveis em seus corpos. Um artigo recente que me chegou em mãos acusa o governo dos Estados Unidos de auxiliar os extraterrestres em um programa mundial de inserção de implantes em milhões de pessoas.

A razão dos extraterrestres para implantar esses objetos no corpo das pessoas é muito complexa e longa para ser incluída neste artigo. Mais uma vez, nem tudo é o que parece. Esses casos podem ser tema de um futuro artigo que também poderia incluir maneiras para neutralizar a diabólica transmissão de ROMs mentais em nossos recém-despertados níveis de consciência.

Pode-se até ver uma audiência de extraterrestres esperando enquanto um mestre de cerimônias anuncia: “E, na categoria de ROM mental para fazer os terráqueos tremerem de medo, o vencedor é...” Lembrem-se: “Até mesmo um sussurro em uma montanha de estrelas será ouvido em todos os vales da eternidade”.

"Nós não estamos sozinhos. Os astrônomos estão errados. Os cientistas estão errados. Eles estão aqui, mas não podemos vê-los, porque eles se escondem. Escondem-se ... Da vista de todos. Nós somos os seus servos, somos seus escravos, nós somos sua propriedade.... Nós somos deles.
(aqueles que AINDA estão inconscientes). Robert Morning Sky

Autor: Wesley Bateman
Tradução e imagens: thoth3126@gmail.com

Baixe o livro em português:


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe um comentário educado! Siga a política do 'se não pode dizer algo construtivo e legal, não diga nada.'